31 de mai de 2010

Sistema Alert reduz custos de R$ 8 milhões em hospital

Benefício foi comprovado por meio de um estudo realizado por uma universidade em uma instituição de 350 leitos

Um estudo realizado por uma universidade comprovou que o sistema Alert é capaz de gerar uma economia de R$ 8 milhões ao longo de ano em um hospital com 350 leitos. É nesses bons resultados que a Alert se baseia para desenvolver novos projetos em todo o mundo.

No Brasil, a companhia prevê a conclusão de alguns projetos ainda em 2010 como, por exemplo, o que está sendo implementado na Unimed de Belo Horizonte e o da Secretaria de Estado de Minas Gerais.

Além disso, o diretor de Serviços da Alert, Miguel Rocha destaca o projeto de atenção primária que será implantado no Hospital Albert Einstein de São Paulo. "Esse será sem dúvida uma demonstração da nossa capacidade de criar uma região digital". Um projeto com a mesma lógica também será implantado em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

"Temos uma base instalada de uma dimensão significativa no Brasil e agora estamos a apoiar a implementação da produção do nosso sistema no México e no Chile", comenta.

A Alert tem investido nos últimos seis anos em média 20% de suas vendas em desenvolvimento. Para o CEO da companhia, Paulo César Guimarães isso comprova o motivo da aceitação do seu produto que está presente em mais de 10 países.

"O ano passado foi muito positivo para a Alert, pois registramos crescimento significativo em relação a 2008. Já em 2010, projetamos um avanço no Brasil e no mundo provando a garantia de que nosso produto obedece aquilo que é mais exigente do ponto de vista da indústria, do software clínico", conclui.

por Thaia Duó
no Saúde Business Web

Postagens populares