9 de jan de 2012

Como escolher um tablet para uso Médico?

App Suporte Avançado de Vida no iPad

Tablets são computadores leves e compactos, em forma de prancheta, com wi-fi e alguns com conexão 3G para acesso a internet, tela touchscreen (sensível ao toque) dispensando o mouse e o teclado.

Seu diferencial reside principalmente nos aplicativos, que são programas desenvolvidos com o objetivo de facilitar as atividades do usuário. Os apps (aplicativos) podem ser médicos como o Epocarates, Medscape e Genéricos Br; Utilitários como o aplicativo de bancos, agenda, leitor de código de barras, localizador do iPad; ou diversão como ebooks, rádios, câmera fotográfica com efeitos e mídias sociais como facebook e twitter.

Veja abaixo a tabela comparativa entre iPad2 x Galaxy tab 10.1" x Galaxy Tab 7" x Moto Xoom x Ypy Positivo x DL Smart x MyiPad da Semp Toshiba:
clique na imagem para vê-la ampliada
2013

Mas como saber qual o melhor para o uso médico?

Alguns requisitos devem ser pensandos antes da compra. 



  1. A tela: Touchscreen não são todas iguais. Há as capacitativas (sensíveis ao toque) e as resistivas (sensíveis a pressão). Para quem já usou as duas sabe que faz muita diferença.
  2. Processador: o mínimo para um tablet deveria ser 1G, pois ele é o cérebro do dispositivo. Um bom processador faz o dispositivo ficar rápido.
  3. Memória RAM: Quanto maior a memória RAM, maior a agilidade para acessar informações. Não pode ser aumentada como nos computadores.
  4. Armazenamento: espaço disponível para armazenar informações no dispositivo. 16G é suficiente para instalar muitos aplicativos médicos. Mas se quer você salvar muitas músicas e filmes, melhor optar por mais espaço de armazenamento.
  5. Resolução: extremamente importante para quem deseja ver resultados de exames de imagem no tablet. Hoje o FDA nos EUA já autorizou o uso de aplicativos de imagem para diagnóstico, ou seja, já é possível diagnosticar AVC em tomografias pelo iPad e afins. Quanto maior a resolução, mais detalhes é possível observar na imagem.
  6. Bateria: quanto maior o número mAh, maior a duração. Porém o 3G consome um quantidade de bateria enorme, portanto, aparelhos somente com wi-fi terão a duração da bateria aumentada.
  7. Sistema operacional: Escolher entre o iOS do iPad e Android é como escolher entre marcas de carro; cada um tem suas preferências. A Apple tem por princípio facilitar a vida do usuário final, tornando o uso dos aparelhos intuitivo, mas em contrapartida não permite personalização. O Android permite uma maior liberdade na escolha de aplicativos e personalização de área de trabalho com gadgets, que o iPad não tem. Mas ambos já possuem uma quantidade enorme de aplicativos médicos. Nem incluí o Playbook da RIM (blackberry) pela escassez de aplicativos médicos.

Como escolher um tablet para uso Médico?  é um artigo Original do TI Medicina.


Atualização: atenção Radiologistas!

  •  Novo Ipad (iPad 3)

A melhoria mais significativa do ponto de vista médico é a tela Retina, com absurdos 2048×1536 pixels, o dobro da resolução do iPad 2. FDA já aprovou o Mobile MIM para diagnóstico no iPad 2 com resolução de 1024 × 768 pixels. A versão 2 tem densidade de pixels de DPI 132 e agora passa a   264  DPI, ainda longe de ser o ppp 326 da Retina da tela do iPhone 4, mas provavelmente mais do que suficiente.



10 comentários:

  1. Leandra, qual é a marca e modelo do seu tablet?

    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Meu smartphone é um Samsung galaxy S e meu tablet é um ipad 2.

    ResponderExcluir
  3. Leandra, bom dia

    Já que estamos falando de aplicativos para médicos, veja a novidade do Portal Saude Direta:

    O Portal Saúde Direta lança o CATÁLOGO de produtos dermocosméticos, de livre acesso aos profissionais de saúde, com possibilidade de escolher o produto por sua ação, pelo fabricante, pela composição. Além disso permite imprimir sua escolha.

    Veja e confira no link: www.saudedireta.com.br/catalogo.php

    ResponderExcluir
  4. Leandra,você pode me dizer se o Xooon de 8 polegadas e processador 1,2 é uma boa pedida?

    ResponderExcluir
  5. É sim, Alex!! Com a tela menos é mais fácil de carregar e ainda é melhor do que o celular pra usar aplicativos!

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Muito elucidativo o artigo! Falando de tablets para o setor corporativo e de alta disponibilidade, deixo aqui um link com varias informações relevantes na hora de escolher qual o melhor tablet para atender a demanda da empresa. Proteção contra quedas, selagem IP, Gorilla Glass, SSD e outras infos: http://rogetechbrasil.com.br/blog?Tag=tablets+para+empresas

    ResponderExcluir
  8. Leandra,eu to em duvida entre um tablet de 7 e um de 10 polegadas para ler livros de medicina e atlas de anatomia. Qual você me indica?

    ResponderExcluir
  9. Luizhf,
    Pra ler PDF, quanto maior a tela, melhor. Mas livros ebooks (epub) um atblet de 7 é bem confortável. Lembrando que o Samsung galaxy tab 7,7" e o 7" também é celular.

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Postagens populares