21 de jan de 2012

Protics - A Certificação Profissional do Informata em Saúde


Que tal um projeto que especificasse as competências que alguém que desejasse se profissionalizar em Informática em Saúde devesse ter e ainda fornecesse um certificado atestando essas competências?

A Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS) está lançando o proTICS - Programa de Profissionalização da Informática em Saúde. 
clique na imagem para vê-la ampliada

O programa de capacitação (ProTICs) abrange:
  • As Competências Essenciais, que são conjunto de competências necessárias para que o profissional de Informática em Saúde execute com segurança e eficácia as suas atividades típicas, em uma diversidade de ambientes e cenários reais. Áreas de competência: Tecnologia da Informação ( Gestão da Informação e Tecnologia da Informação); Saúde ( Serviços Clínicos e de Saúde e Sistema de Saúde Brasileiro) e Gestão (Gestão de Projetos, Gestão Organizacional e Comportamental, e Monitoração e Avaliação). 
  • Perfis Profissionais e Modelo de Carreira da Informática em Saúde: 


O eixo horizontal representa a capacidade de tomada de decisão que é exigida de cada cargo ou função. 
Assim, espera-se que o Analista Júnior tenha que tomar decisões mais simples e pouco frequentes quando 
comparada a um Analista Sênior, por exemplo. O eixo vertical representa o nível de conhecimento, 
experiência e especialização que se espera de cada cargo ou função-atividade. Assim, novamente o Analista 
Sênior deve ter mais conhecimento e experiência do que Analista Júnior.
Foram elencadas 14 cargos ou funções-atividades, relacionadas abaixo:
  1. Diretor de TI em Saúde
  2. Diretor de Projetos
  3. Diretor de Operações
  4. Especialista
  5. Gerente de Projetos
  6. Gerente de Operações
  7. Gerente de Relacionamento
  8. Gerente de Help-Desk
  9. Coordenador de Projetos
  10. Analista Sênior
  11. Coordenador de Treinamento
  12. Instrutor
  13. Analista Pleno
  14. Analista Júnior

a função de Analista foi subdivida em:
• De Negócios
• De Informação
• De Integridade de Dados
• De Suporte ao Produto
• De Suporte ao Usuário
• De Operação Assistida
• De Testes

O cargo ou função-atividade de Especialista, foi subdivido em:
• Em Padrões
• Em Arquitetura
• Em Produtos
• Em Serviços
• Em Segurança
• Em Telessaúde
• Em Telerradiologia
• Em Processamento de Imagens
• Em Processamento de Sinais
• Em Informática Clínica
  • O Programa de Capacitação:  tem como objetivo capacitar profissionais que desejem conhecer melhor a Informática em Saúde, para, por exemplo, serem melhores usuários dos sistemas de informação. Esse programa tem, ainda, como objetivo oferecer treinamento avançado para qualificar profissionais de Informática em Saúde, de acordo as competências essenciais identificadas pela SBIS.O papel da SBIS neste processo será o de oferecer os requisitos mínimos a serem atendidos pelos cursos e estimular parceiros educacionais a oferecem treinamento e capacitação de acordo com as linhas do Programa.

Os documentos de referência estão em Consulta Pública até o 15 de Fevereiro de 2012, portanto, envie seus comentários até 15/02/2012 para o email: consultapublica@sbis.org.br.


  • DOCUMENTOS PARA CONSULTA PÚBLICA:
Introdução aos conceitos e documentos de referência

Competências Essenciais do Profissional de Informática em Saúde

Perfis Profissionais e Modelo de Carreira da Informática em Saúde


Postagens populares