11 de ago de 2009

Siga Saúde: Exemplo de e-Saúde e instrumento e Gestão


Desenvolvido com a Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo, o Sistema de Gestão Integrada da Saúde Pública (SIGA Saúde) é um conjunto de tecnologias que integra e agiliza o trabalho do setor de saúde, permitindo a coleta de dados e disponibilizando informações do paciente, além de integrar as solicitações de exames e os agendamentos feitos. Possui também um módulo de gestão de medicamentos (Sisfarma).
Todas as fases do atendimento em saúde ficam organizadas num mesmo sistema de dados acessado via Internet por qualquer clínica ou hospital que integre o sistema de saúde do município. Tal tecnologia reduz custos e facilita o acesso aos dados, o que se traduz em maior rapidez no atendimento e no agendamento de consultas para os pacientes que fazem uso do sistema público de saúde.

Do Inovação e Saúde, "Sistema Integrado de Gestão de Atendimento - SIGA Saúde como instrumento de Gestão":

O desafio da organização do sistema de saúde na cidade de São Paulo ganha uma dimensão gigantesca porque não existe uma ferramenta única e que se adapte às características e complexidade dos serviços aqui prestados, diversidade sociocultural e econômica e o tamanho da população.
No processo atual estamos diante de vários sistemas disponibilizados pelo DATASUS/MS relativos a cadastros, captação de dados de produção e
epidemiológicos
, de vigilância, de regulação, de autorização entre outros. Esses sistemas não são integrados e, em alguns casos, não atendem as especificidades da cidade de São Paulo. Temos, portanto sistemas separados para dados ambulatoriais, de internação, de autorização, de regulação de mortalidade, de vigilância etc . Devido ao apresentado, temos problemas de alimentação dos bancos de dados e retiradas de relatórios concisos o que prejudica a agilidade de análises e decisões gerenciais, além da possibilidade de erros frequentes.
Diante dessas dificuldades São Paulo optou pelo o desenvolvimento de um aplicativo multifuncional e inovador com potencialidade para integrar, monitor e regular todo o sistema de saúde público sob gestão municipal, o SIGA Saúde.
1. A implantação do SIGA já trouxe alguns ganhos expressivos para a Gestão, tais como:

  • Cadastro de todos os profissionais, usuários e estabelecimentos em base compatível com o cartão Nacional de Saúde, incluindo os usuários de outras cidades ou estados que utilizam os equipamentos do município.
  • Gerência uma agenda interna das Unidades básicas para a marcação de consultas.
  • Permite a marcação referenciada nos ambulatórios de especialidades e nos laboratórios
  • Dispensa de medicamentos prescritos com baixa just in time no estoque local e no almoxarifado geral da PMSP.
  • Além de gerenciar a agenda tem a possibilidade de avisar via sistema, se o paciente compareceu à consulta ou ao local de realização de exames.
  • Marcação de consultas com impressão do comprovante indicando local, horário e protocolo de preparo e orientações ao usuário.
  • Cadastro de recursos humanos permitindo a confecção de banco de talentos e possibilitando o planejamento e execução de cursos a distancia multiplicando o alcance da capacitação sem precisar de deslocamentos
  • Possibilita o próprio médico agendar os retornos dos pacientes.
  • Integração ao sistema de informação de Vigilância em Saúde potencializando as informações e o acesso.
  • Faz autorizações de APAC e AIH via Sistema.

2. Possibilidades futuras:

  • Encaminhar o usuário para a rede de serviços já com as autorizações para as realizações dos procedimentos que as exigem, tanto os de internações quanto os ambulatoriais, eliminando a etapa da solicitação e autorização, facilitando a regulação do acesso, o processamento e pagamento dos prestadores, reduzindo riscos de manipulações e fraudes e facilitando o monitoramento do sistema, além de produzir dados de produção e epidemiológicos
    mais confiáveis que permitirão uma análise e emissão de relatórios importantes
    para tomada de decisão do Gestor.
  • Enviar mensagem ao usuário comunicando a data e local do exame ou consulta e solicitar a confirmação com tempo de antecedência para a substituição se houver falta, diminuindo o absenteísmo, e possibilitando o gerenciamento otimizado das agendas.

    3. Como ganhos obtidos temos:
  • agilidade no agendamento de pacientes para consultas de
    especialidades e procedimentos de diagnose;
  • possibilitou a autorização de APAC, on-line, com redução do tempo entre a solicitação e o atendimento do paciente;
  • re-call de usuários que utilizaram medicamentos inefetivos em caso apontado Vigilância em Saúde;
  • agilidade na dispensação de medicamentos e controle de seu estoque, permitindo redistribuição e adequação de estoque nas unidades.
  • agilidade na entrega de resultados de exames laboratoriais, permitindo oportuna tomada de decisão.
    4. Como principais obstáculos a enfrentar temos:
  • Cultura e resistência de profissionais mais antigos na aceitação de novas tecnologias;
  • Dimensão e complexidade do sistema de saúde do município.

O Siga Saúde no chama a atenção por permitir agregar em um mesmo sistema, toda a informação, unificada e com racionalidade de tempo e consequentemente economia de recursos financeiros.

Postagens populares