9 de mar de 2010

1º Simpósio Virtual de Farmácia obteve oito mil acessos

Presidente da entidade afirma que a renovação que a área está experimentando, a qual está produzindo um novo do perfil profissional, se deve a instituição das Diretrizes Curriculares


“O farmacêutico, como profissional de uma área que necessita de constante atualização, está assumindo, a cada dia mais, especializações, com o objetivo de oferecer serviços diferenciados de assistência farmacêutica. Isso ocorre, nas farmácias comunitária, pública e hospitalar”. A afirmação é do Presidente do Conselho Federal de Farmácia, Jaldo de Souza Santos, em sua palestra de abertura do 1º Simpósio Virtual de Farmácia, realizado, nos dias 3 e 4 de fevereiro, à noite.
O Presidente do CFF, que falou a respeito das “Perspectivas para a Profissão Farmacêutica”, considerou que a renovação que a Farmácia está experimentando, a qual está produzindo um novo do perfil profissional, é alcançada, após a instituição das Diretrizes Curriculares, em 2002; o crescimento do mercado, a conscientização da sociedade sobre os seus direitos, inclusive de orientação farmacêutica.
Citando um tema bastante atualizado, Souza Santos defendeu a recente entrada em vigor (18.02.10), das regras da RDC 44/2009, da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que instituem as Boas Práticas Farmacêuticas para farmácias e drogarias. Ele pediu a união de todos em favor da RDC 44/09.

FACILITAÇÃO
A resposta dos farmacêuticos ao 1º Simpósio Virtual foi considerada “excelente” pelos seus realizadores. Mais de oito (8) mil acessos, até do exterior, foram registrados pelo “Portal Educação”, garantindo um dos objetivos do Simpósio, que foi de facilitar o acesso à capacitação profissional.
Evento de especialização gratuita, o Simpósio Virtual teve por realizadores o “Portal Educação”, o Conselho Federal de Farmácia, o Conselho Regional de Farmácia de Mato Grosso do Sul e a Federação Interestadual dos Farmacêuticos (Feifar).

PROGRAMA
No primeiro dia do evento, além da palestra “Perspectivas para a Profissão Farmacêutica”, houve uma mesa-redonda com a participação online dos farmacêuticos. Os temas discutidos foram “Salário do Profissional Farmacêutico: Piso Nacional?”; “O Farmacêutico e o PSF”; “Mercado de Trabalho”; “Responsabilidade Profissional”; “Inovações na Área Farmacêutica”; e “Uma Nova Farmácia?”. No segundo dia do encontro, foram realizadas quatro palestras: “Cosmetologia – novas opções cosméticas”; “Farmacologia – Aspectos Gerais e Atualização”; “Controle de Qualidade em Análises Clínicas”; e “RDC 44 – O Que o Farmacêutico Deve Fazer?”.
Jornalistas Fernando Ladeira (Radioweb) e Aloísio Brandão, Assessor de Imprensa do CFF.

Autor: Imprensa
Fonte: SIS Saúde

Postagens populares